quarta-feira, 24 de agosto de 2016

O asno e o velho pastor



Um pastor observava tranquilo seu asno pastando em uma verde pradaria.
De repente ouviu ao longe os gritos de uma tropa inimiga que se aproximava rapidamente.

Ele rogou ao animal para que este corresse levando-o na garupa, o mais rápido que pudesse, a fim de que não fossem ambos capturados. O asno com calma, falou:
- Por que eu deveria temer o inimigo? Você acha provável que o conquistador coloque em mim, além dos dois cestos de carga que carrego outros dois?
- Não. - respondeu o pastor.- Então - disse o animal - contanto que eu carregue os dois cestos que já possuo que diferença faz a quem estou servindo?


Ao mudar o governante, para o pobre, nada muda além do nome do seu novo senhor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagem em destaque

O pobre e o rico

Em tempos muito remotos, quando o bom Deus ainda andava pela terra entre os homens, certa tarde, após ter caminhado muito, sentiu-se can...